Home » Aprenda Onde e Como Divulgar Seu Artesanato Corretamente e Ganhar Dinheiro!

Aprenda Onde e Como Divulgar Seu Artesanato Corretamente e Ganhar Dinheiro!

Para aumentar as vendas é indispensável saber onde e como divulgar artesanato. Afinal, ao utilizar os canais certos, você consegue atrair mais pessoas para a sua produção, vender mais e melhorar o seu faturamento.

Contudo, quem está começando no setor, costuma ter dificuldades na hora de cuidar dessa divulgação, nem sempre identificando os melhores canais ou conseguindo adaptar a sua linguagem para essas plataformas.

Esse é o seu caso? Então veja as dicas importantes que separamos!

Divulgação online

A internet é, sem dúvida, uma das principais aliadas dos artesãos. Isso porque, com ela, você conseguirá atingir um público muito mais amplo e vender suas peças para pessoas de todo o país.

Mas para conseguir bons resultados, é preciso saber onde divulgar seu artesanato.

Importante:

O primeiro passo para identificar esses canais é entender o que você vende e quem é o seu público-alvo. Assim será mais fácil compreender o comportamento dessas pessoas na rede.

Alguns pontos essenciais que você deverá responder sobre seu público são: idade, renda, escolaridade, localização, preferências, produtos artesanais que mais consomem, entre outros.

Quanto mais dados você reunir sobre essas pessoas, mais fácil será pensar em formas corretas de divulgação.

Abaixo reunimos algumas ideias online para divulgar seu artesanato, confira!

Facebook

Sem dúvidas, o Facebook é a rede social mais importante que temos hoje, já que ela ainda concentra o maior número de usuários.

O seu público é formado por pessoas mais velhas, mas é bastante heterogêneo e costuma ser interessante investir nessa rede para todos os tipos de artesãos.

Dicas Essenciais:

Criar uma página de empresa específica para o seu negócio, postar com regularidade, criar posts com fotos, não postar apenas sobre seus produtos, mas também dicas, técnicas e outras informações, fazer anúncios, utilizar o marketplace e usar os grupos.

Os grupos são ótimos locais para divulgar seus produtos. Tente procurar por aqueles que tenham relação com o seu público.

Se você vende itens artesanais para crianças, por exemplo, procure por grupos de maternidade, já se você comercializa lembrancinhas, uma ideia são os grupos de noivas e, claro, também existem os grupos de venda específicos de cada cidade.

Instagram

O Instagram tem crescido muito – e é a rede social preferida pelos mais jovens.

O mais bacana é que você poderá explorar melhor as fotos e vídeos dos seus produtos e até criar lives e stories mostrando o seu dia a dia, a confecção dos produtos e dicas para os seguidores, ensinando algo relacionado ao seu artesanato, por exemplo.

Outra vantagem é que você consegue atingir um público maior no Instagram sem ter que investir tanto em anúncios. Então é bem bacana ter um perfil específico para o seu ateliê nessa rede.

Capriche na descrição:

Resuma o que você faz e vende, inclua seus dados de contato (telefone e e-mail), inclua o link da sua loja virtual ou perfil em um marketplace, como o elo7 e use uma imagem profissional, por exemplo o logotipo a sua marca.

Em relação às postagens, dê atenção especial as fotos. Tente deixá-las atrativas e o mais profissional possível, sempre se atentando a questões como enquadramento, iluminação, fundo e o destaque que você deseja dar ao seu produto.

Boas imagens ajudam a vender. Além delas, foque em vídeos e use todas as possibilidades da rede.

Pinterest

O Pinterest ainda não é muito usado pelos artesãos, porém é uma rede social interessantíssima e vale a pena estar no seu hall de ações, principalmente se você vende para mães, noivas, jovens e pessoas mais “antenadas” que podem estar em busca de imagens e inspirações para enxoval, festas, decoração de casa etc.

Essa rede social é baseada em imagens, então é preciso caprichar nas fotos dos seus produtos. Outra dica é colocar uma legenda atraente, porém bem resumida, que desperte a atenção.

Por fim, lembre-se de encaminhar o visitante do Pinterest para o seu site, que pode ser o Facebook, a página no elo7 ou a sua loja virtual (quando subir a imagem no Pinterest, adicione o link em “URL de destino”).

Marketplace

Marketplace

Os marketplaces são excelentes para aumentar as vendas. No Brasil, o elo7 é o mais conhecido no setor de artesanato.

Vale a pena montar uma lojinha por lá, assim você conseguirá atrair ainda mais público e também tornar a sua venda mais profissional.

Além de fazer o cadastro, é essencial se empenhar para que a sua loja e os seus produtos tenham destaque.

Novamente, as imagens são fundamentais para despertar a atenção dos consumidores, assim como uma descrição bem feita, com todas as informações para o cliente referente ao produto anunciado.

Você também poderá separar seus produtos por categorias, adicionar tags e personalizar sua loja, tornando mais fácil para o cliente encontrar o que procura.

Outra dica é focar no bom atendimento, tirando todas as dúvidas que os clientes possam ter. É

importante deixar claro pontos como: prazos de produção e envio, política de troca, embalagem, descontos, formas de pagamento e outros.

Um ótimo atendimento também contribui para que você tenha mais avaliações positivas, que dão segurança aos outros consumidores para comprarem de você.

Divulgação Offline

Além da internet, os meios tradicionais também são importantes na hora de divulgar seu artesanato e conquistar mais clientes. Separamos algumas ideias que podem lhe inspirar.

Feiras e eventos de artesanato

As feiras e eventos de artesanato sempre foram importantes meios de divulgação – e até hoje se mantém dessa forma.

Praticamente todas as cidades possuem essas feiras. Converse com a Secretaria de Cultura sobre as ações da sua cidade e veja como se cadastrar para expor nesses locais.

Algumas feiras são bem grandes e reúnem muitas pessoas. Fique atento ao calendário desses eventos, já que os organizadores normalmente abrem cadastro com bastante antecedência para os artesãos que desejam expor.

Além das feiras de artesanato, pense em outros eventos que você possa expor e que tenha relação com seu público, como: feira de gestantes, eventos de pets, feiras de antiguidade, exposição de carros antigos entre outros.

Parcerias com empresas

Parcerias com empresas

Pense em empresas que podem ser complementares ao que você vende. Por exemplo, no segmento de casamentos, você poderá fazer parcerias com outros profissionais como fotógrafos, organizadores de eventos, buffets, DJs etc.

Essas empresas oferecem serviços diferentes dos seus, mas o público-alvo é o mesmo. As parcerias ajudam a divulgar os dois lados e ambos saem ganhando.

Deixe seu cartão de visita nesses locais e converse com as empresas para pensar em parcerias.

Você também pode trabalhar com brindes corporativos, por exemplo, tentando vender lembrancinhas de dia das mães, natal e outros momentos para as empresas oferecerem aos seus funcionários nessas datas.

Crie um portfólio bacana e entre em contato com os negócios que você acredita que possam se interessar pelos seus produtos.

Ainda há a possibilidade de deixar seus produtos em consignação em lojas que vendem itens do mesmo segmento que o seu.

Por exemplo, se você produz guirlandas de maternidade, pode tentar deixar esses itens em consignação nas lojas que vendem produtos para crianças, outros tipos de artesanato podem ser comercializados em lojas de decoração e assim por diante.

Boca a Boca

A melhor propaganda continua sendo a boca a boca. Por isso, sempre se empenhe em agradar seus clientes. Pois, quanto mais satisfeitos eles estiverem com o seu serviço, maiores as chances de indicarem você para outros clientes.

Há algumas maneiras de incentivar esse processo de indicação, por exemplo oferecendo descontos ou brindes para quem lhe indicar para outras pessoas.

Não se Esqueça!

A velha técnica de deixar seu cartão de visita em locais estratégicos e de sempre adicionar uma etiqueta com seu nome e telefone em todos os produtos que fizer.

Neste conteúdo, você descobriu onde divulgar o seu artesanato e viu que existem muitas formas de atrair clientes e aumentar as suas vendas.

O importante é sempre entender quem forma o seu público e pensar nos locais que essas pessoas estão, seja na internet ou fora dela.

Gostou das nossas dicas? Compartilhe com seus amigos artesãos!

Como este é um tema muito procurado, nós produzimos vários artigos sobre Negócios. Vale uma visita!

 

Marcações: